Skip to main content

A bola de pilates para exercícios para o corpo

A bola suíça assumiu posição de destaque entre os materiais e equipamentos usados durante a malhação e nas aulas de Mat Pilates ou Pilates de solo. Para sua melhor eficácia, ela deve estar cheia, firme e seu tamanho variar conforme a altura do aluno ou usuário.

Um dos maiores benefícios do uso da bola Suíça é que os exercícios praticados com ela alcançam músculos difíceis de serem alcançados em outros exercícios da ginástica localizada como é o caso dos músculos localizados ao redor da coluna. Além disto, o único peso trabalhado e levantado durante as aulas de bola é o do próprio corpo, por isto esta é uma atividade que há poucos atritos, ausência de movimentos repetitivos e de dores posteriores.

pilates na bola

O que os profissionais dizem

Segundo a professora de educação física Monique Andrade Lemos, as aulas com bola melhoram a coordenação motora, a motricidade, o fortalecimento, a flexibilidade, a concentração, a disposição física e o equilíbrio individual. “A bola também é usada para uma maior conscientização corporal, melhora na postura e na reabilitação de indivíduos que sofreram acidentes ou perdas de movimentos”.

A profissional também falou que são vastos os exercícios que utilizam a bola suíça e que séries de alongamento, abdominal e outros exercícios localizados para os glúteos, braços, pernas, abdômen, quadril e as articulações também podem ser feitos utilizando a esfera. “ Para quem deseja desfilar um abdômen definido, as aulas com bola são as ideais porque 99% dos exercícios trabalham a região através da respiração e da contração do local”.

A associação com outras atividades físicas é sugerida pela professora para a obtenção de melhores resultados estéticos. “Aconselho casar as aulas com bola com outras atividades aeróbicas como corrida, caminhada, musculação e natação, mas desaconselho a prática doméstica e solitária porque o papel de orientação desempenhado pelo professor é de suma importância. É sua tarefa corrigir posturas errôneas e ensinar movimentos corretos”, disse Monique.

A educadora também afirmou que após vinte aulas as praticantes da modalidade já sentem e percebem as diferenças estéticas, especialmente na região abdominal e após trinta aulas há transformações significativas para corpos mais bonitos e saudáveis. Já as gestantes e crianças menores de 12 anos devem optar por outras atividades físicas porque as aulas com bola suíça não são indicadas.

Curiosidade

Com a chegada da menopausa, o potencial respiratório e funcional da mulher diminui e sua massa muscular reduz em 25% quando comparado à juventude. Nesta faixa etária, a mulher tende a acumular gordura em todo o corpo, mas com disciplina e aulas com bola é possível reverter este quadro. O cuidado especial fica voltado para a manutenção da boa postura.

Série Vapt-Vupt

Coordenação: sentada sobre a bola, pés afastados na largura do quadril e mãos sobre as coxas. Desafie o equilíbrio e trabalhe a coordenação motora saltando sobre a bola. Mantenha a coluna alinhada e empurre o solo com os pés. Estenda um joelho de cada vez. Realize duas séries de um minuto, com intervalo de 30 segundos.

Funcional na bola: costas apoiadas na bola que está encostada na parede. Mantenha os calcanhares a cerca de 50 cm da parede, pernas afastadas na mesma linha do quadril e joelhos e pés voltados para frente. Relaxe o pescoço e segure um halter em cada mão. Flexione os joelhos até 90 graus e eleve os braços estendidos até a altura dos ombros. Conte até três e retorne à posição inicial.

Tríceps com apoio na bola: em pé, perna da frente flexionada e a outra estendida e abdômen contraído. Posicione a mão esquerda sobre a bola. Estenda e flexione o braço direito mantendo o cotovelo apontado para cima. Troque de posição.

Rotação para oblíquo na bola (trabalha ombro, peito, oblíquo, costas e glúteos): fique na posição de prancha com os pés apoiados sobre a bola suíça e as mãos no chão e afastadas na largura do ombro. Leve o joelho em direção ao peito, permaneça por 1 segundo e retorne à posição inicial. Faça de 12 a 15 repetições. Descanse por 30 segundos e repita a seqüência com a outra perna.

Elevação de joelho na bola (trabalha core, ombro, peito, quadris e glúteos): fique na posição de prancha com as mãos apoiadas na bola e afastadas na largura dos ombros. Leve o joelho direito em direção ao peito, permaneça por 1 segundo e retorne à posição inicial. Repita a seqüência com a outra perna.

Lombar com elevação de perna (trabalha lombar e glúteos): apoie os quadris e a barriga na bola. Mantenha as pernas esticadas e afastadas na largura dos quadris, com os dedos dos pés no chão. Estique os braços, afastados na largura dos ombros. Eleve a perna direita a uns 15 cm do chão e estenda os braços o máximo possível. Volte a apoiar os pés no chão e relaxe os braços. Faça o movimento 15 vezes e repita com a outra perna, sem descansar entre as séries.