Skip to main content

O tratamento com pedras quentes para a saúde

Terapia alternativa e que utiliza pedras quentes no tratamento de desconfortos físicos, internos e até, problemas psicológicos, esta técnica prima pela condução de calor ao corpo humano através destes minerais conseguindo resultados positivos e benefícios à saúde física e mental de seus adeptos. Em entrevista, a terapeuta corporal Marineide Caetano Ferreira falou sobre as etapas envolvendo cada sessão desta terapia e os principais motivos que levam as pessoas procurarem as pedras quentes especialmente durante o inverno.

terapia pedras quentes

Tipo de pedras são utilizadas durante as sessões da terapia

As pedras usadas são as que conservam, por um tempo maior, a temperatura. Normalmente, eu utilizo pedras de quartzo de tamanhos distintos e que tenham superfícies lisas para não machucar a pele das clientes.

Etapas de uma sessão de terapia com pedras quentes

Antes de começar a sessão, as pedras são aquecidas em água e em um recipiente específico até alcançar a temperatura de 60 Celsius. Enquanto este aquecimento acontece, uma massagem manual e realizada com óleo neutro é feita no corpo da cliente. Movimentos suaves e de deslizamentos compõem esta primeira etapa. O passo seguinte consiste em espalhar as pedras aquecidas pelo corpo da pessoa e em lugares específicos como no abdômen, na região torácica, nas costas e em cima da cervical entre outros pontos de acúmulo energético.

Simultaneamente, uma segunda massagem é feita pela terapeuta usando outras pedras também aquecidas e estimulando todo o corpo da cliente, desde os pés até a cabeça.

O tempo de duração de cada sessão é de uma hora, em média.

Principais benefícios desta terapia

Os principais benefícios são: relaxamento, conforto interno, relaxamento da musculatura, combate às dores e sintomas da TPM (tensão pré-menstrual), além da melhora da circulação sanguínea, do fluxo da energia vital, da autoestima e de problemas de fundo emocional. “Recomendo também a terapia para pessoas que sofrem de depressão, ansiedade, insônia, stress, desgaste físico e mental”.

Sem contra-indicação

Todos podem se sujeitar a esta terapia porque seu objetivo principal é proporcionar, principalmente, bem-estar e conforto às pessoas. A terapia com pedras quentes é um tipo de tratamento usado para a cura interna e por isto, não é indicado para quem procura por resultados estéticos.

Por que as pessoas que a fazem se sentem recarregadas energeticamente?

Porque o calor emanado das pedras é aplicado ao corpo das pessoas por meio de técnicas de massoterapia e outros conhecimentos milenares e até por isto, favorece o equilíbrio dos chacras e outras energias circulantes. A associação com a aromaterapia também traz resultados positivos neste sentido, aumentando o período de bem-estar após o término da sessão.

Cuidados necessários antes de iniciar a terapia

Informar o terapeuta sobre doenças, dores e outros problemas de saúde existentes. Além disto, checar a formação do profissional e as condições do local que será realizado as sessões de terapia com pedras quentes.

Curiosidade sobre a terapia com pedras quentes:

Em alguns centros estéticos espalhados pelo mundo, pedras plutônicas formadas na parte de baixo de vulcões são usadas nas sessões deste tipo de terapia. A eficácia do uso de tais pedras se deve ao fato de que elas foram resfriadas de forma lenta ao longo de milhares de anos, permanecendo em sua composição todo o seu potencial energético e bioquímico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *