Skip to main content

Sexo tântrico – O que é e como fazer

Sexo tântrico: o que é ?

Com o tempo descobri que era uma terapia sexual, que existem técnicas para se executar um sexo tantra. O sexo tântrico é uma prática Hinduísta onde o ato sexual se mistura com a espiritualidade em busca de crescimento e equilíbrio, um contato próprio direto do corpo com todo o universo.

A palavra TANTRA, é de origem Sâscrita e quer dizer trama ou tecido. Já no ocidente, essa mesma palavra recebeu o significado de doutrina, ao sentido que o tantra se entrelaça a vários ensinamentos e com ás práticas sexuais e a espirituais.

sexo tantrico

O orgasmo tântrico, parte do sexo tantra. Como disse, há técnicas para se praticar, sendo que eu descobri que praticava o sexo tantra sem nunca ter estudado sobre ele.

O meu sexo com meu marido sempre foi muito intenso e juntos descobrimos tantas coisas nesse mérito. Nosso sexo tinha mais que prazer, é algo com poder em todos os sentidos. Algo que ás vezes é tão forte que até me assusta.

Na minha opinião e experiência, o sexo tantra parte de energias escondidas e reprimidas pelo corpo.

Acredito que a maioria dos casais nunca puderam desfrutar desse prazer onde se mistura o físico com o espírito. Mas é só querer mudar isso e começar a estudar mais sobre o assunto e colocar as técnicas aprendidas em prática.

O sexo tântrico busca postegar o prazer, e conseguir atingi-lo com os nossos cinco sentidos. Sem pressa, sem ejaculação rápida. O incrível é você conseguir atingir do prazer apenas com o fato de cheirar o outro ou sentir uma energia pelo corpo inteiro com o toque da ponta dos dedos, é o poder de fazer o corpo do outro de temer inteiro apenas com o olhar, são só alguns exemplos do que o sexo tântrico é capaz de proporcionar .

O sexo tântrico evita a penetração rápida e bruta, dá valor ao tempo prolongado de prazer. O sexo tântrico tem duração mínima e não máxima como a maioria dos mero mortais que praticam somente sexo.

A duração mínima do sexo tântrico é duas horas, isso ajuda homens a como não gozar rápido, caso dure menos que uma hora é considerado ejaculação precoce. A proposta do tantra é justamente prolongar o sexo e sendo assim retardar o máximo a ejaculação, a ejaculação não é o foco do tantra, é como se fosse o menos importante e também explora nosso corpo, que possui mais de 550 mil pontos de sensibilidade.

O sexo tantra começa com troca de elogios com palavras doces e carícias suaves, nada de brutalidade, tudo é feito com a total calma sem a famosa “pegada”, tudo é feito de olhos abertos. Uma troca de olhares e de sentimento. Depois de começar as carícias inicia-se o sexo tântrico que tem como objetivo postergar ao máximo a excitação sexual e seu último objetivo é a ejaculação.

O sexo tântrico tem posições e exercícios que devem ser seguidos ao pé da letra. Eu e meu companheiro particularmente não o fazemos. Damos valor a tudo que foi dito, menos as posições específicas e o fato de que o sexo tântrico deve-se comer e beber coisas leves durante os períodos de descanso do corpo, também não o fazemos.

Nossa relação particular com o tantra é descobrir nossos pontos de sensibilidade do corpo e a persepção dos nossos sentidos para com o sexo.

Por fim, após ter nos deliciado do sexo durante horas… a ejaculação é muito bem vinda!

E no sexo tântrico, chamamos de hiperorgasmo.

O hiperorgasmo é uma ejaculação esperada, que nos leva a um êxtase inexplicável, que nosso corpo responde com espasmos, no meu caso até meus olhos se enchem de lágrimas… apenas consigo dizer coisas bonitas e expor meus sentimentos de forma verdadeira, fico totalmente volúvel… olho nos olhos do meu parceiro e digo que o amo … em fim meu corpo parece em choque, parece que estou totalmente fora de mim. Afirmo que é algo que vale muito a pena experimentar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *